Palestrantes confirmados

 

      Joseph Renzulli – Estados Unidos (Videoconferência)

 

O Dr. Joseph S. Renzulli é um líder e pioneiro na educação de superdotados e aplica a pedagogia de estratégias de ensino de educação para todos os alunos. A Associação Americana de Psicologia nomeou-o entre os 25 psicólogos mais influentes do mundo. Recebeu o Prêmio Harold W. McGraw Jr. de Inovação na Educação, considerado por muitos como “o Nobel” dos educadores, e foi consultor da Força Tarefa da Casa Branca sobre Educação dos Superdotados e Talentosos. Seu trabalho sobre a Concepção de Superdotação dos Três Anéis, o Modelo Triádico de Enriquecimento e a compactação e diferenciação de currículos foram esforços pioneiros nos anos 70, e ele contribuiu com centenas de livros, capítulos de livros, artigos e monografias para a literatura profissional, muitos dos quais foi traduzido para outras línguas. (Fonte: https://education.uconn.edu/person/joseph-renzulli/)

 

      Nielsen Pereira – Estados Unidos 

 

Possui graduação em Licenciatura Em Letras Inglês pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003), mestrado em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2005) e doutorado em Psicologia da Educação com ênfase em Educação de Superdotados (Purdue University, 2011). Atualmente é Professor Assistente na Purdue University (Indiana, Estados Unidos). Entre seus interesses principais estão a identificação de alunos com altas habilidades e superdotados, programas de enriquecimento escolar, e o desenvolvimento de talentos nas áreas de ciências, tecnologia, engenharia e matemática (STEM) e criatividade. É um dos criadores do programa STEAM Labs (http://steamlabs.education) que enfatiza a importância de introduzir conceitos de engenharia a estudantes de Ensino fundamental e médio e do desenvolvimento da criatividade em disciplinas de engenharia. Atualmente é Editor Associado da Gifted and Talented International (GTI) a revista do World Council for Gifted and Talented Children (WCGTC).

 

         Susana Pérez – Uruguai

 

Bacharel em Artes Plásticas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1992), Especialista em Educação Especial – Área de Altas Habilidades pela Faculdade de Educação da UFRGS, Mestre e Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da Pontifícia Universidade Católica do RS, pós-doutorado na Faculdade de Educação da UFSM. Foi sócia-fundadora e presidente do Conselho Brasileiro para Superdotação durante quatro gestões, atualmente presidindo a Comissão Técnica dessa instituição; membro do Conselho Técnico da Associação Gaúcha de Apoio às Altas Habilidades/Superdotação. É delegadaporUruguaiperante o World Council for Gifted and Talented Children. Foi consultora da UNESCO para a Secretaria de Educação Especial do MEC (2007, 2011), docente em cursos de extensão e pós-graduação; atuou na formação de professores e assessoria na área de Altas Habilidades/Superdotação a redes municipais e estaduais em diversos estados brasileiros e como orientadora em cursos de especialização, Mestrado e Doutorado. Foi assessora ad-hoc na elaboração de Diretrizes técnicas, pedagógicas e administrativas para o atendimento às AH/SD para o Ministério de Educação da Colômbia e membro do grupo de trabalho sobre Altas Habilidades/Superdotação junto ao Ministério de Educação do Uruguai. Atualmente é professora na Universidad de Montevideo e no curso de Mestrado em Educação da Universidad de la Empresa (UDE); orientadora no Mestrado em Educação da Universidad Católica delUruguay e do Mestrado e Doutorado em Educação da UDE; coordenadora da Linha de Pesquisa Sócioeducativa e da Unidade de Pesquisa da Facultad de Ciencias de laEducación da UDE e editora das publicações Revista Sudamericana de Educación, Sociedad y Universidad, Avances de Investigación e Cuadernos de Educación (UDE), Montevidéu, Uruguai.

 

      Paula Irueste – Argentina

 

Licenciada en Psicología, Dra. en Ciencias de la Salud, UNC, Argentina. Experto Universitario en el diagnóstico y tratamiento de alumnos con altas capacidades, UNED, España.  Directora Servicio de Neuropsicología, Área Infantil, Facultad de Psicología, UNC, Argentina. Miembro del Comité Académico, Especialidad en Psicología Clínica, Facultad de Psicología, UNC, Argentina. Investigadora Senior, Grupo Internacional de Investigación en Altas Habilidades/Superdotación, Facultad de Ciencias de la Educación, UDE, Uruguay. Docente- Investigadora Cátedra Psicología Clínica y Clínica Psicológica y Psicoterapias, Facultad de Psicología, UNC, Argentina. Docente de Posgrado Facultad de Psicología, Universidad Nacional de Córdoba, Argentina. Docente Colaborador Universidad Abierta de Cataluña, España.

 

      Zenita Guenther (cancelado por motivos de saúde)

 

PhD, doutora em Psicologia da Educação e mestre em Orientação e Aconselhamento Psicológico pela Universidade South Florida. Há 40 anos vem se dedicando à pesquisa e prática em Educação Especial para Dotados e Talentosos, envolvida na formação de professores em todos os níveis de ensino. Foi educada na tradição humanista de Helena Antipoff, com quem estudou e trabalhou por vários anos, na Fazenda do Rosário, Minas Gerais. Após o doutorado, ingressou nos quadros da Universidade Federal de Minas Gerais, de onde se aposentou para seguir outros interesses profissionais relacionados ao desenvolvimento de talento e capacidade humana, trabalhando ativamente nessa área, no Brasil, Estados Unidos e Portugal. Participa de eventos, escreve e publica extensamente no Brasil e exterior, tendo como catalisador de suas atividades o Centro para Desenvolvimento do Potencial e Talento (CEDET), que fundou em 1993 em Lavras, Minas Gerais, onde reside.

 

      Eunice Alencar

 

Ph.D. em Psicologia pela Universidade de Purdue, Estados Unidos, é professora emérita do Instituto de Psicologia da Universidade de Brasília, reconhecida internacionalmente por suas pesquisas sobre criatividade e superdotação. É membro honorário do Conselho Brasileiro para Superdotação e delegada do Brasil no World Council for Gifted and Talented Children. Autora de numerosas publicações, incluindo artigos em revistas especializadas de distintos países.Publicou como autora/organizadora numerosos livros, entre eles Psicologia. Introdução aos Princípios Básicos do Comportamento; A Criança na Família e na Sociedade; Como Desenvolver o Potencial Criador; Psicologia e Educação do Superdotado; Psicologia da Criatividade;Tendências e Desafios da Educação Especial;Criatividade: Expressão e Desenvolvimento; O Processo da Criatividade;Criatividade e Educação de Superdotados;Novas Contribuições da Psicologia aos Processos de Ensino e AprendizagemSuperdotados: Determinantes, Educação e Ajustamento; Criatividade: Múltiplas Perspectivas; Desenvolvimento de Talentos e Altas Habilidades; Medidas de Criatividade. Teoria e Prática;Superdotados. Trajetórias de Desenvolvimento e Realizações;Os superdotados e o bullying. Recebeu numerosas honrarias, entre elas o título de Cidadã Honorária de Brasília e o A. Harry Passow International Award for Leadership in Gifted Education, outorgado pelo World Council for Gifted and Talented Children. Foi, entre outros: coordenadora do Comitê Assessor de Psicologia do CNPq; presidente da Associação Brasileira para Superdotados (DF); membro da diretoria da Logos Foundation (USA); professora da Faculdade de Medicina da UFMG; editora da revista Psicologia: Teoria e Pesquisa e editora convidada da Gifted Education International (Inglaterra);vice-presidente da Federação Ibero-Americana do World Council for Gifted and Talented Children.

 

      Cristina Delou

 

Psicóloga, Licenciada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1981), Especialista e Mestre em Educação na área de concentração Educação de Superdotados pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1987), e Doutora em Educação, pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001). Professora Associado IV, aposentada, da Faculdade de Educação, da Universidade Federal Fluminense (UFF). Participou da elaboração e foi Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Diversidade e Inclusão – Modalidade Profissional (CMPDI), criado pela CAPES em 2013, da área 46-Ensino, no período de 2013 a 2017. É Membro Permanente do PPG MP em Diversidade e Inclusão e do PPG em Ciências e Biotecnologia (IB/UFF), e Colaboradora no PPG em Ensino de Biociências e Saúde (IOC-EBS/FIOCRUZ). É Bolsista de Produtividade em Pesquisa Nível 2 e líder do Grupo de Pesquisa Talento e Capacidade Humana na Sociedade e na Educação, do CNPq. Coordena atividades de extensão no Programa de Atendimento a Alunos com Altas Habilidades/Superdotação (PAAAH/SD), na Escola de Inclusão, que são apoiados pela CAPES (Novos Talentos e PIBID), pelo PROEXT/MEC e pela FAPERJ. É autora de artigos e capítulos de livros. Foi Membro do Conselho Técnico do Conselho Brasileiro para Superdotação (ConBraSD) no período de 2003 a 2012, voltando em 2016, e Presidente do ConBraSD no biênio 2011-2012. Vice-Presidente da Associação Brasileira de Diversidade e Inclusão (ABDIn) no período 2015-2018.

 

      Ângela Virgolim

 

Possui graduação e Mestrado em Psicologia, ambos pela Universidade de Brasília. Obteve seu PhD em Psicologia Educacional pela University of Connecticut (Uconn) nos EUA, especializando-se, nesta universidade, em Psicologia da Superdotação pelo National Research Center on Gifted and Talented (hoje Renzulli Center for Creativity, Gifted Education, and Talent Development). É atualmente professora adjunta do Departamento de Processos Psicológicos Básicos (PPB) do Instituto de Psicologia da Universidade de Brasília. Foi sócia fundadora e primeira presidente do Conselho Brasileiro para Superdotação – ConBraSD, no qual ainda atua como Membro do Conselho Técnico e Editora-Chefe da Revista Brasileira de Altas Habilidades/Superdot ação. Sua produção bibliográfica versa principalmente sobre os temas relacionados à inteligência, motivação, criatividade e superdotação. Recebeu, juntamente com Lisabete C. Konkiewitz, o Prêmio Jabuti 2015 na categoria Educação e Pedagogia pela obra “Altas Habilidades/Superdotação, inteligência e criatividade”, Ed. Papirus. Atualmente faz o pós-doutorado na área de testes psicológicos no Laboratório de Avaliação e Medidas Psicológicas da PUC-Campinas.

 

      Maria Clara Sodré

 

A Professora Doutora Maria Clara Sodré S. Gama licenciou-se em Pedagogia pela PUC-Rio (1985), é mestre em Educação pelo Lesley College (1988) e doutora em Educação de Superdotados pela Columbia University (1991). Foi professora de pós-graduação na PUC-Rio de 1992 a 2012, responsável pelo programa de atendimento a alunos superdotados da Escola Americana do Rio de Janeiro durante nove anos (1991 – 2000) e implantou e dirigiu durante cinco anos o programa de atendimento a alunos superdotados de baixa renda do ISMART (2000 – 2005) e durante onze anos o programa de atendimento de superdotados de baixa renda do ILECCA (2007 – 2017). Hoje é Diretora Técnica da ACERTA, consultora de avaliação de programas educacionais da CESGRANRIO e da Fundação Roberto Marinho e assessora de várias ONGs de educação de crianças e jovens. Publicou diversos artigos e capítulos de livros sobre educação e, em 2006, publicou o livro “Educação de Superdotados: Teoria e Prática” pela Editora Pedagógica e Universitária Ltda. – E.P.U. de São Paulo.

 

      Denise Fleith

 

Psicóloga, mestre em Psicologia pela Universidade de Brasília e Ph.D. em Psicologia Educacional  pela University of Connecticut, Estados Unidos. Realizou o pós-doutorado no National Academy for Gifted and Talented Youth, na Inglaterra, e na Universidade do Minho, em Portugal. Foi professora convidada no Neag Center for Gifted Education and Talent Development na University of Connecticut. É professora titular do Instituto de Psicologia da Universidade de Brasília, pesquisadora do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológica (CNPq) e membro da diretoria do World Council for Gifted and Talented Children.

 

      Maria Lúcia Sabatella

 

É profissional da educação, consultora e pesquisadora, especializada nas áreas de Inteligência Humana, Superdotação e Talento. Graduação em Música e Pós-Graduação em Harmonia Superior pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná – EMBAP. Mestre em Educação pela Universidade Federal do Paraná – UFPR. Delegada do Brasil no World Council for Gifted and Talented Children – WCGTC desde 1997 e membro da National Association for Gifted Children – NACG – EUA. É sócia-fundadora do Conselho Brasileiro para Superdotação (ConBraSD) e foi Membro do Conselho Técnico do ConBraSD até a última gestão. É fundadora e Presidente do Instituto para Otimização da Aprendizagem – INODAP, considerado como referência entre as instituições brasileiras pelo trabalho de caráter prático, destinado a favorecer a descoberta de talentos ao avaliar o potencial de crianças, jovens e adultos superdotados, acompanhar seu desenvolvimento pessoal, familiar e educacional, orientar as famílias e capacitar profissionais. Atua como docente em cursos de extensão e pós-graduação voltados à formação e a capacitação de profissionais (Psicopedagogia, Neuropsicologia, Educação Especial, Docência do Ensino Superior). Autora de vários artigos em revistas especializadas, sites e livros publicados no Brasil e no exterior. Frequentemente é convidada a dar entrevistas sobre inteligência e superdotação, ministrar cursos e capacitações em instituições educacionais e participar como palestrante em congressos nacionais e internacionais. Tem como principais abordagens a inteligência e inteligências múltiplas, cognição, aprendizagem e a superdotação nos vários segmentos do desenvolvimento humano.

 

      Elizabeth Veiga

 

Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal do Paraná (1981), especialista em psicopedagogia em ( 1993) doutorado em Psicologia pela Universidad Complutense de Madrid (2003), com reconhecimento  pela Universidade de Brasília –UnB (2003) . Professora titular da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, no curso de Psicologia da PUCPR,co-editora da Revista Psicologia Argumento. Líder do grupo de pesquisa do curso de Psicologia da PUCPR .Experiência na área  da Psicologia , com ênfase de Educação, Psicopedagogia, atuando principalmente nos seguintes temas: altas habilidades/superdotação, aprendizagem, inteligências múltiplas,  psicopedagogia e  modularidade da mente. E-mail:bethveiga@hotmail.com

 

      Nara Joyce

 

Possui Doutorado (2005) e Mestrado (1999) em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1975). Professora adjunta do Departamento de Educação Especial da Universidade Federal de Santa Maria. É sócia fundadora e membro da Comissão Editorial do Conselho Brasileiro para Superdotação – ConBraSD, sócia e membro do Conselho Técnico da Associação Gaúcha de Apoio às Altas Habilidades/Superdotação – AGAAHSD. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Especial, abordando principalmente os seguintes temas: educação especial, educação inclusiva, inclusão no ensino superior, atendimento educacional especializado para alunos com altas habilidades/superdotação.

 

      Vera Palmeira

 

Formação em Pedagogia com habilitações para a Licenciatura Plena, Administração Escolar e Orientação Educacional pelo Centro Universitário de Brasília. Especialização em Psicopedagogia pela Universidade Católica de Brasília e em Educação de Bem-Dotados e Talentosos pela Universidade Federal de Lavras. Mestre em Educação pela Universidade Católica de Brasília. Capacitadora e aplicadora do Programa de Estimulação da Atenção – PEA I e II. Sócia Fundadora do Conselho Brasileiro para a Superdotação e Segunda Secretária na atual gestão. Conselheira da Associação Brasileira de Psicopedagogia-Seção DF e Membro do Conselho na gestão atual. Sócia Proprietária do Espaço Atividade: Mente, Corpo & Emoção destinado ao atendimento multidisciplinar na área das Altas Habilidades/Superdotação. Experiência na área de Educação com ênfase em Educação Especial, Educação Infantil e Ensino Fundamental. Atuação no Programa de Atendimento ao Aluno Superdotado da Secretaria da Educação do Distrito Federal ao longo de 28 anos como professora de Sala de Recursos para alunos de Altas Habilidades/Superdotação, Itinerância e Gestão da área.Atuação em consultorias, formação de educadores e no atendimento a educandos nos seguintes temas: Altas Habilidades/Superdotação; Educação Especial e Necessidades e Educacionais Especiais; Programas de Atendimentos Educacionais em Altas Habilidades; Adequação Curricular; Educação Inclusiva; Atendimento Educacional Especializado em Altas Habilidades/Superdotação e suas complexidades;Avaliação de Necessidades Educacionais Especiais e Atendimento Psicopedagógico na área da Superdotação.

 

      Jane Farias Chagas

 

Possui graduação em Pedagogia, Licenciatura em Música e Bacharelado em Teologia. É psicopedagoga e especialista em Educação a Distância, Mestre em Psicologia e Doutora em Processos de Desenvolvimento Humano e Saúde. Atualmente é professora ajdjunta da Universidade de Brasília. É Sócia-fundadora do Conselho Brasileiro para a Superdotação – CONBRASD, é membro da Associação Brasileira de Psicologia do Desenvolvimento – ABPD e representante do Brasil no World Council of Gifted and Talented Children – WCGTC.

 

      Mariane Benicio

 

Graduada em Psicologia e mestre em Tecnologia em Saúde, ambos pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Atualmente, trabalha como docente nas Faculdades Pequeno Príncipe. Atua também como psicóloga em consultório particular, realizando avaliação psicológica e atendimento psicológico a crianças, adolescentes, adultos e idosos.

 

      Tatiana Nakano

 

Docente do curso de pós-graduação stricto sensu em Psicologia da PUC-Campinas, pesquisadora da linha de Instrumentos e processos em avaliação psicológica. Pós Doutorado na Universidade São Francisco (2009) e Doutorado em Psicologia como Profissão e Ciência (2006) pela PUC-Campinas. Atua principalmente na área de Avaliação Psicológica, Criatividade, Altas Habilidades /Superdotação, Inteligência, Habilidades Socioemocionais e Psicologia Positiva.

 

      Solange Wechsler

 

Psicóloga, com mestrado e doutorado nos Estados Unidos, na University of Georgia, tendo por orientador Dr. Paul Torrance. Realizou o pós-doutorado na University of Buffalo e no Torrance Center of Creative Studies. Suas áreas de pesquisa e ensino têm sido a avaliação e desenvolvimento da criatividade, inteligências múltiplas, avaliação do desenvolvimento cognitivo e criativo por desenhos, liderança criativa, estilos de pensar e criar, temperamento, psicologia positiva, e construção e validação de testes psicológicos. Possui  vários testes publicados no país: “Avaliação da Criatividade por figuras e palavras: Teste de Torrance, versão brasileira”, “Estilos de Pensar e Criar”, “Avaliação do desenvolvimento cognitivo infantil: o desenho da Figura Humana”. Também publicou inúmeros artigos, e livros sobre criatividade, tais como: “Criatividade: Descobrindo e Encorajando”, “Criatividade no ensino superior”, “O desenho infantil: Forma de expressão cognitiva, criativa e emocional”. Recebeu os títulos honoríficos de “Creative Scholar” nos Estados Unidos, “Personalidade Destacada en las Artes y Ciências”, na Venezuela, “Honra ao Mérito em Psicologia Escolar” no Brasil e, mais recentemente o de “Distinction in International Psychology”, pela American Psychological Association. Foi fundadora e presidiu a Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional, o Instituto Brasileiro de Avaliação Psicológica, e a Associação Brasileira de Criatividade e Inovação, sendo a atual presidente. É pesquisador nível I do CNPQ. Atualmente exerce atividades de docência e pesquisa junto ao departamento de pós-graduação em Psicologia da PUC-Campinas, onde dirige o Laboratório de Avaliação e Medidas Psicológicas (LAMP).